Itapetinga:Sessão especial vai debater possível fechamento da Base Regional de Saúde de Itapetinga (antiga 14ª Dires)


(Foto Google Street View)
De iniciativa da Mesa Diretora da Câmara de Vereadores, será realizada uma sessão especial para debater o possível fechamento da Base Regional de Saúde de Itapetinga (antiga 14ª Dires), ligada ao Núcleo Regional de Saúde Sudoeste – Vitória da Conquista. O evento acontecerá na próxima quarta-feira (28), às 19 horas, no Plenário Ulysses Guimarães.
Composta pelos vereadores Eliomar Barreira (MDB), Márcio Piu (PSC), Fabiano Bahia (DEM) e Nailton Negreiro (PRB), a Mesa Diretora justificou que o fechamento da Base prejudicaria significativamente a população. A preocupação dos parlamentares é principalmente com o futuro dos servidores e com os serviços oferecidos em Itapetinga.
De acordo com a Mesa, a extinção da Base Regional de Saúde afetará negativamente a prestação de diversos serviços de saúde nos municípios da região atendidos pela diretoria, como fornecimento gratuito de medicamentos de alto custo para tratamento de doenças graves, controle de surtos e epidemias, inspeção de unidades hospitalares e distribuição de soros e vacinas para hospitais. O atendimento da Base Regional de Saúde de Itapetinga abrange 12 municípios do Médio Sudoeste.
Em 2015, as Diretorias Regionais de Saúde (Dires) foram extintas em todo o Estado, dando lugar aos Núcleos Regionais de Saúde (NRS). A extinção das Dires obedeceu à Lei Estadual Nº 13.204, de 11 de dezembro de 2014, que “Modifica a estrutura organizacional da Administração Pública do Poder Executivo Estadual e dá outras providências”.
Conforme informações da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), a Bahia conta com nove NRS’s. Eles têm a finalidade de acompanhar as atividades de regulação, de vigilância sanitária e a dispensação de medicamentos, bem como as ações relativas à Coordenação de Monitoramento de Prestação de Serviços de Saúde, Central de Aquisições e Contratações da Saúde e à Corregedoria da Saúde, contribuindo para o fortalecimento da gestão junto aos Municípios.
Questionada sobre o assunto, a Assessoria de Comunicação da Sesab respondeu que não existe a possibilidade imediata de fechamento da Base. O que está acontecendo, segundo a Sesab, é um estudo sobre o funcionamento de todas as bases regionais de saúde.
Ascom/Câmara 
*Com inf.Marlon
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial