Amigos, fãs e familiares da jovem Yasmin Gabrielle Amaral, que ganhou popularidade no Programa Raul Gil, usam as redes sociais ao longo deste domingo (21) para despedir-se dela e prestar homenagens. A adolescente de 17 anos faleceu hoje e entrou para as estatísticas como vítima de autoextermínio.
Em uma das postagens a respeito da morte de Yasmin, um amigo comenta que a garota enfrentava uma depressão e faz um alerta para que a doença seja levada a sério. “Vocês sabem o que é DEPRESSÃO? Pra quem não sabe, ou ACHA que sabe, é uma doença muito grave que atinge a autoestima, o psicológico e o emocional das pessoas”, escreveu em um trecho.
Ao BHAZ, uma amiga da família de Yasmin, a cabeleireira Gliciany Mourão Silva, de 35 anos, contou que o falecimento da adolescente ocorreu neste domingo, mas que ninguém sabe ao certo o que levou a garota a cometer suicídio. “As pessoas estão falando que ela estava em depressão, mas ninguém sabe o que ela realmente sentia”, explica. “Ela era uma garota muito carismática e especial, uma das melhores amigas da minha filha. E era como uma filha para mim também”, conta.
Moradora da cidade de Igaratá, a pouco mais de 20 km de Santa Isabel, onde Yasmin morava, Gliciany conta que o velório da jovem de começar ainda neste domingo, mas que o corpo dela ainda não foi liberado. “O velório será em Santa Isabel, onde ela morava. Eu estou inconformada, não sei se o tempo será capaz de aliviar essa dor”, lamenta.

Última aparição na TV

Yasmin apareceu pela última vez na TV em 2017, quando voltou ao SBT para participar do Programa Raul Gil, atração que a revelou. Além de ver momentos da antiga passagem pelo programa, ela também falou a respeito do falecimento da mãe, Sidneia, e de um irmão, ambos vítimas de câncer. A menina vivia com o pai e desejava ser médica.

//bhaz

Morre aos 17 anos Yasmin Gabrielle, ex-caloura mirim do Raul Gil



Amigos, fãs e familiares da jovem Yasmin Gabrielle Amaral, que ganhou popularidade no Programa Raul Gil, usam as redes sociais ao longo deste domingo (21) para despedir-se dela e prestar homenagens. A adolescente de 17 anos faleceu hoje e entrou para as estatísticas como vítima de autoextermínio.
Em uma das postagens a respeito da morte de Yasmin, um amigo comenta que a garota enfrentava uma depressão e faz um alerta para que a doença seja levada a sério. “Vocês sabem o que é DEPRESSÃO? Pra quem não sabe, ou ACHA que sabe, é uma doença muito grave que atinge a autoestima, o psicológico e o emocional das pessoas”, escreveu em um trecho.
Ao BHAZ, uma amiga da família de Yasmin, a cabeleireira Gliciany Mourão Silva, de 35 anos, contou que o falecimento da adolescente ocorreu neste domingo, mas que ninguém sabe ao certo o que levou a garota a cometer suicídio. “As pessoas estão falando que ela estava em depressão, mas ninguém sabe o que ela realmente sentia”, explica. “Ela era uma garota muito carismática e especial, uma das melhores amigas da minha filha. E era como uma filha para mim também”, conta.
Moradora da cidade de Igaratá, a pouco mais de 20 km de Santa Isabel, onde Yasmin morava, Gliciany conta que o velório da jovem de começar ainda neste domingo, mas que o corpo dela ainda não foi liberado. “O velório será em Santa Isabel, onde ela morava. Eu estou inconformada, não sei se o tempo será capaz de aliviar essa dor”, lamenta.

Última aparição na TV

Yasmin apareceu pela última vez na TV em 2017, quando voltou ao SBT para participar do Programa Raul Gil, atração que a revelou. Além de ver momentos da antiga passagem pelo programa, ela também falou a respeito do falecimento da mãe, Sidneia, e de um irmão, ambos vítimas de câncer. A menina vivia com o pai e desejava ser médica.

//bhaz