Sudesb concede passagens aéreas para atletas competirem em viagens nacionais e internacionais - Itapetinga Acontece

Páginas

Foto: Miriam Jeske/CPB


Nove pessoas, entre atletas e comissão técnica, embarcam para São Paulo, representando o remo e jiu-jtsu nos campeonatos brasileiros de cada modalidade. Renê Pereira, medalhista de bronze dos Jogos Paralímpicos de Tóquio, figura na lista de contemplados com essas passagens. 


Além deles, a ciclista Paôla Reis e seu técnico, Leonardo Gonçalves, já se encontram em San Juan, na Argentina. Na terra do tango, a ciclista competirá o Sul Americano de BMX entre os dias 6 e 8 de maio, valendo pontos para o ranking mundial da União Ciclística Internacional – UCI.  


Todos eles viajam com passagens cedidas pela Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da  Secretaria do Trabalho,  Emprego,  Renda e Esporte.  


Entre 2018 e até o mês de abril deste ano, a Sudesb investiu, somente com apoio de passagens (aéreas e terrestres), cerca de 2 milhões de reais,  beneficiando 2.243 atletas em 261 eventos esportivos  realizados na Bahia, no Brasil e no exterior.  


“O apoio da Sudesb é fundamental para o desenvolvimento dos atletas e da modalidade, tendo em vista que o Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu da CBJJ é um dos principais eventos do calendário anual e reúne os melhores atletas do Brasil. Sem esse apoio, não teríamos condições de participar com um número expressivo de atletas baianos”, disse Evandro Nascimento, presidente da Federação Baiana de Jiu-Jitsu e MMA. 


O brasileiro da modalidade será disputado em Barueri, de 6 a 14 de maio. A delegação baiana será representada por cinco atletas jiujiteiros e dois componentes de comissão técnica. 


Remo

Já o atleta do paradesporto  Renê Pereira entra nas águas da capital paulista nos dias 7 e 8 deste mês, disputando medalha no Campeonato Brasileiro de Remo. O baiano, que viajou junto com seu treinador Jair Fonseca, é pentacampeão nessa prova. 


Bolsa Esporte- Renê e Paôla são contemplados com o programa de incentivo ao atleta, na categoria Internacional A. O mesmo é executado pela Sudesb, e recebeu, em 2021, um investimento de R$1,5 milhão, com apoio direto a 162 atletas. 


Ascom/Sudesb

Sudesb concede passagens aéreas para atletas competirem em viagens nacionais e internacionais

Foto: Miriam Jeske/CPB


Nove pessoas, entre atletas e comissão técnica, embarcam para São Paulo, representando o remo e jiu-jtsu nos campeonatos brasileiros de cada modalidade. Renê Pereira, medalhista de bronze dos Jogos Paralímpicos de Tóquio, figura na lista de contemplados com essas passagens. 


Além deles, a ciclista Paôla Reis e seu técnico, Leonardo Gonçalves, já se encontram em San Juan, na Argentina. Na terra do tango, a ciclista competirá o Sul Americano de BMX entre os dias 6 e 8 de maio, valendo pontos para o ranking mundial da União Ciclística Internacional – UCI.  


Todos eles viajam com passagens cedidas pela Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da  Secretaria do Trabalho,  Emprego,  Renda e Esporte.  


Entre 2018 e até o mês de abril deste ano, a Sudesb investiu, somente com apoio de passagens (aéreas e terrestres), cerca de 2 milhões de reais,  beneficiando 2.243 atletas em 261 eventos esportivos  realizados na Bahia, no Brasil e no exterior.  


“O apoio da Sudesb é fundamental para o desenvolvimento dos atletas e da modalidade, tendo em vista que o Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu da CBJJ é um dos principais eventos do calendário anual e reúne os melhores atletas do Brasil. Sem esse apoio, não teríamos condições de participar com um número expressivo de atletas baianos”, disse Evandro Nascimento, presidente da Federação Baiana de Jiu-Jitsu e MMA. 


O brasileiro da modalidade será disputado em Barueri, de 6 a 14 de maio. A delegação baiana será representada por cinco atletas jiujiteiros e dois componentes de comissão técnica. 


Remo

Já o atleta do paradesporto  Renê Pereira entra nas águas da capital paulista nos dias 7 e 8 deste mês, disputando medalha no Campeonato Brasileiro de Remo. O baiano, que viajou junto com seu treinador Jair Fonseca, é pentacampeão nessa prova. 


Bolsa Esporte- Renê e Paôla são contemplados com o programa de incentivo ao atleta, na categoria Internacional A. O mesmo é executado pela Sudesb, e recebeu, em 2021, um investimento de R$1,5 milhão, com apoio direto a 162 atletas. 


Ascom/Sudesb

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário

Redação Email:[email protected] Contato/ DDD 077 9 9117-0827